SEAS II Regional Sé realiza ação voltada para o combate ao alcoolismo

Corte de cabelo, música, teatro, dança e roda de conversa pautaram o evento


Texto: Juliano Damasco Fotos: Divulgação

O Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS) Regional Sé - Instituto Fomentando Redes e Empreendedorismo Social (INFOREDES) realizou, na sexta-feira 15/02, no auditório da Igreja Missão da Paz, no bairro Liberdade, uma ação voltada para a luta contra o alcoolismo. O evento contou com 50 participantes do sexo masculino das regiões da Sé, São Bento, São Francisco, Pátio do Colégio e Teatro Municipal, sendo 10 de cada perímetro.

Ao longo do evento, os orientadores buscaram o fortalecimento de vínculos com os participantes através de uma abordagem especial, diferente da utilizada nas ruas, em um ambiente diferenciado, com atividades específicas para os atendidos. “Gostei muito do incentivo às pessoas em situação de rua. Muito legal nos trazerem até aqui, disponibilizando essas várias opções de atividades”, afirmou Luciano Aparecido Vicente, 43 anos.


A primeira oficina trouxe a oportunidade de um corte de cabelo especial para os conviventes. Cerca de 11 alunos da Escola Teruya de Cabeleireiros, coordenada pelo professor Wagner Souza, cortaram o cabelo da maioria dos participantes. Simultaneamente uma peça de teatro que buscava sensibilizar os participantes sobre o uso abusivo do álcool acontecia no espaço. Outras dinâmicas ocorreram como roda de violão, desenvolvida para que os atendidos pudessem se descontrair tocando e cantando; roda de conversa na qual os mediadores abordaram sobre o uso abusivo do álcool; biodança, que é um modo de encontrar o prazer de viver através do corpo em movimento e também o lanche da tarde, providenciado pela Universidade Brasil.

Além disso, painéis brancos foram espalhados por todo o auditório e tintas coloridas foram disponibilizadas. Os participantes puderam pintar de forma livre e espontânea o sentimento incitado pelo encontro. O objetivo era retratar de forma lúdica a vivência dos conviventes. 


Para o gerente do SEAS Regional Sé, Alexandre Fontana, essa é uma oportunidade valiosa, pois é uma forma de incentivar os participantes a lutar contra o alcoolismo. “Nosso intuito é este: a criação e o fortalecimento de vínculos. Após as atividades, nós pretendemos encaminhá-los para centros de acolhida. Essa é uma forma de aproximar a pessoa em situação de rua dos equipamentos da Prefeitura”, acrescentou.

Ao final da atividade, uma palestra viabilizada pelo Consultório na Rua foi realizada pela professora Anielli Simoni Mello.





8 visualizações

© 2019 por Comunicação Inforedes. 

  • Instagram
Logo_Horizontal_edited.png